segunda-feira, 16 de janeiro de 2017

Para quem gostar de ler: O que aprendi com 2016

   O ano passado foi um ano muito importante na minha vida e de constantes evoluções. Coisas ruins e boas aconteceram, então resolvi falar um pouquinho sobre isso ♥.


 Persistência é o meu segundo nome. 

  Eu sou uma pessoa super insistente, não desisto de nada facilmente, e isso gera a minha determinação (a qualidade que eu mais gosto). Posso falar "desisto", mas cinco minutos depois estou tentando novamente. E esse é o segredo do sucesso! O único lado ruim, é insistir no que não tem futuro, e aí veio o segundo ponto. 


   Desapegar do que te faz mal é difícil, mas é preciso! 

   Eu insisto muito nas pessoas, não é atoa que vivi um relacionamento de idas e vindas durante quatro anos (2012-2016). Namoramos e terminamos tantas vezes que perdi a conta, com aquela velha desculpa "vai ser diferente dessa vez" e nunca foi. Era apenas a mesma história com finais diferentes. E demorei um bom tempo para levar a sério o que me falavam: "Enquanto você não quebrar a cara bem  quebrada, não vai aprender", e foi o que aconteceu em agosto do ano passado, pior mês de 2016. 
  No início foi bem difícil. Alguém já viu namorado trazer rosas em um dia e terminar no outro? Quando eu comentava sobre isso, ninguém acreditava.


Obs: Existem postagens antigas sobre o namoro e eu não vou me dar o trabalho de apagar. Então para quem chegou agora no blog e for ver as postagens antigas, saiba que terminou (se a Fátima e o William Bonner separaram, quem diria eu, né nom?!)

Quebrar a cara faz bem. 

  Eu poderia me lamentar por vê-lo com outra, mas no lugar disso resolvi fazer tudo o que eu sempre quis (ou quase tudo). Me dediquei a faculdade e ao blog, voltei a falar com algumas pessoas, sai com os meus amigos, tirei as mais variadas fotos, gostei e parei de gostar de muita gente. Batia a bad, curtia a bad! Chorei de raiva, mas eu vivi. Melhor do que em 2015, melhor que nos meses anteriores. E deixei toda essa tristeza guardada em 2016. 


Evite se arrepender. 
   
  Me arrepender da insistência no namoro, trabalhos da faculdade que não deram certo e compras efetuadas em lojas onlines de péssima qualidade, só iria piorar a situação. Experiências ruins fazem parte do nosso cotidiano. E eu não estaria vivendo um ano novo se não fosse todos esses erros cometidos em 2016. 

   
  Resumindo: Deixei o ex no passado, junto com a história (só restam fotos e lembranças para provar que existiu), segui a vida, conheci pessoas maravilhosas, resolvi me arriscar e sair mais. Continuarei me esforçando nos trabalhos da faculdades, e as minhas experiências frustradas de compras em lojas onlines aparecem aqui! 
  O ano mal começou e eu não faço ideia de como ou quando irá terminar, porém aprendi uma coisa: é para a frente que se olha! 


   

28 comentários:

  1. "O passado não tem nada de novo a dizer.
    Mantenha seu foco no futuro.
    É lá que está sua melhor versão."

    ResponderExcluir
  2. Oi minha lindinha
    é isso aí temos que aprender com tudo que nos acontece
    e que bom que você esta bem gostei muito do post
    bjs

    MarilisDutra
    |http://marilisdasilvadutra.blogspot.com.br/|

    ResponderExcluir
  3. Olá! Antes de comentar sobre o post tenho q lhe dizer, seu url ta bugado '-' Tipo, eu vi esse post na minha feed, cliquei, e deu como se a página não existisse (aquele dinossáurinho apareceu) dai eu tirei o "com.br" e escrevi "blogspot.com" e a pagina recarregou com o "com.br" e entrou novamente...
    Agora sobre o post.
    Eu nem quero comentar sobre o meu 2016 e.e' O resumo é que, foi chato, cansativo, nada de bom aconteceu, só me desgastou, e não realizei NENHUMA DAS MINHAS METAS #bad
    Tens razão, quebrar a cara ajudar a gente evoluir e aprender com os erros, e não comete-los de novo... Mas o meu problema é que a única coisa que acontece na minha vida é eu quebrar a cara. Tudo culpa dessas expectativas ridículas que eu mesmo crio.
    Espero que consiga fazer com que 2017 seja inesquecivelmente melhor ♥
    bjs

    Blog: Skull Minds
    Twitter
    Tumblr
    Snap: maisaindia

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu não sei o que estava acontecendo, até gostaria de saber se ainda está assim. No meu agora está normal :P.
      Não vou dizer que o ano passado foi horrível, eu estaria sendo super injusta. Foi ótimo pra crescer como ser humano, realizei sonhos importantes, mas muitas metas não cheguei nem perto de realizar.
      Ei, eu quebro muito a cara até hoje e foi difícil de aprender com alguns erros. Quebrei mais de uma vez a cara com vários.
      Obrigada, te desejo o mesmo <3.

      Excluir
  4. Yay, que determinada! Adoro pessoas assim x) acho que é uma ótima qualidade, mas de fato é meio complicado tentar insistir em algumas coisas que não tem futuro, e namoros são um bom exemplo. Agora é só bola pra frenteee! Deixar o que passou no passado pra conseguir focar no futuro :D

    Beijo!
    http://tipsnconfessions.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim sim, foi exatamente o que eu fiz/estou fazendo.

      Excluir
  5. Caramba, a história do seu relacionamento foi complicada. Me identifiquei, também passei por um assim.
    Desapegar é muito difícil, mas vamos que vamos!
    Beijos.

    Chiquereza

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muitas pessoas passam por isso, é o que me conforma de certa forma.

      Excluir
  6. OiOi Carol,tudo bem?
    Sei bem como é difícil o término de um namoro,olha eu namorei em 2012,depois conheci uma pessoa em 2013 fiquei no rolo até 2014,depois conheci outro e termineu em 2014 mesmo,depois voltei com um ex de 2012 e estamos juntos,ah e todos terminaram comigo sem motivos aparentes,sofri muito,mas hoje eu sei em quem dar valor esse meu ex sempre foi especial,ele me escutava,me apoiava era meu amigo e terminei pra ficar com outro e só me ferrei.Sabe as vezes a pessoa especial esta do nosso lado e a gente nao enxerga.Carol eu fui deixada varias vezes,mas em nenhuma me deixei abater pela tristeza e pelo desprezo,sempre pensei positivo e sei que tudo tem um motivo nessa vida.Seja feliz,se ame,se divirta e não pense no passado,o que importa é o agora.
    Porque vce nao faz um canal? Eu ia adorar ver voce conversando com a gente.Qualquer coisa pode me enviar um email se quiser fazer canal,ok? Me visita no meu.
    Bjx
    vinteanoos.blogspot.com
    facebook.com/vinteanoos
    @carolarrudax
    https://www.youtube.com/channel/UCfyKBScjv4FlgenoRP_pUpA
    xx

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu pensei em criar um canal esse ano, mas estou sem câmera e não sei editar vídeo. Mas é uma meta para a minha vida (não vou dizer esse ano, porque nesse ano estarei cheia de coisas a fazer...então não posso prometer).
      Procurei ao máximo não me abater com nada disso, terminaram comigo várias vezes também. As vezes nem terminaram, só sumiram da minha vida mesmo (como nesse último caso).
      Fico super feliz ao saber da sua história e ao saber que deu tudo certo <3. Estou torcendo muito por você!

      Excluir
  7. Adorei a sua postagem ficou ótima.
    Com certeza deixar tudo e olha somente para frente.
    Beijos
    Jana Makes Esmaltes e Cia
    Fanpage
    Instagram

    ResponderExcluir
  8. Confesso que fico triste e insegura, quando vejo historias assim. Namoro a um ano, e dois meses e a gente sempre briga, tem tanta coisas ruins, mas não consigo me afastar. Talvez goste de me magoar, sinto que ele gosta de mim, mas aquela ''desconfiança'' nunca saiu de mim :/ Que bom que seguiu em frente, é bem importante também! Beijos <3

    Vem visitar meu blog? ♥
    www.super-caprichada.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tem casais e casais. Tem casais que brigam e se amam, né?! Quem sou eu para dizer que não vai ou se vai dar certo.
      Coloquei na minha mente a seguinte história: é bom ficar juntos enquanto dar certo. Quando parar de dar certo, é melhor terminar. Levei isso pra vida.
      É difícil terminar um relacionamento, eu não sei se teria conseguido terminar de vez caso não fosse a forma que terminou (afastamento).
      Porém a vida é feita de momentos e o momento ruim passou (quase sempre passa ou é superado por algo pior). Não se prenda a algo que não te faz bem!

      Excluir
  9. Carol olhe terminar um relacionamento é uma coisa bem complicada,já passei por isso anos atrás,sei que no momento a gente não entende porque essas coisas acontece,mas tudo tem um proposito na vida. Te desejo tudo de bom,sei que ando sumida,esse ano ta sendo uma correria já que a pessoa aqui resolveu tentar Enem. Mas enfim desejo tudo de bom.

    Fofa Porém Birrenta

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, quando eu escrevi esse texto eu já tinha entendido o propósito, mas de início foi uma coisa complicada. O pensamento era "Como assim não deu certo? E aquele amor que a gente sentia um pelo outro?", mas acho que de certa forma talvez ele nunca existiu ou não foi recíproco.

      Excluir
  10. Que bom que superou, tem que ser assim mesmo, temos que esquecer e fazer coisas que nos façam felizes de verdade! Eu também passei por um relacionamento super bad em 2016, ainda estou superando, mas "vamo que vamo"! haha
    O bom é olhar pra trás e ver que você é melhor que tudo isso, e que não perdeu nada! ;)
    Bj

    simplesmentecarol.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vamos que vamos! O ano passado foi complicada para a vida de muitos casais.

      Excluir
  11. huashuahs miga me diga ai, tu tava vivendo a minha vida em um tipo de realidade alternativa?? to bem chocada com seu post ter sido minha vida em 2016 kkkk principalmente a do relacionamento, socorro kkkkk ainda bem que conseguimos seguir em frente.. mas é super complicado (e foi em agosto tbm e rolava as mesmas coisas)


    http://www.inocentementeingenua.net/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oooolha, acho que existe essa possibilidade heim. No início é complicado, com o tempo a gente entende o motivo de não ter dado certo.

      Excluir
  12. algo muuuito bem dito por você: insistir mas não insistir no que não vale a pena. Assim como você eu me ferrei muito até parar de investir na pessoa errada e ficar ali tentando, as vezes ainda me doi e eu penso sabe, aquele famoso "e se...?" e isso é torturante né? hahaha mas bem, a vida tem dessas e é ai que tem que estar nossa coragem de encarar o que aconteceu somente como fatos e não com teorias e suposições do que não sabemos.

    Poxa, eu curti muito teu post e teu jeito de conversar com seus leitores, por isso vou te seguir viu? Esperando ansiosamente outro post teu <3

    Beijos
    http://umagarotanadaencantada.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Comigo foi o contrário, eu fiz quase tudo o que eu queria fazer para não dar a margem para esse "e se..?" existir. Acho que o que tinha que ser feito, foi feito. O melhor de toda (ou quase toda) história é o final.

      Excluir
  13. Oi Carol! Realmente estamos sujeitos a decepções, mas a vida continua e temos mesmo é que olhar em frente e seguir confiante!
    Beijokas
    http://otomescriativas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  14. Olá tudo bem?
    Obrigada pela visita.
    Que bom que aprendeu tanto em 2016, espero que esse ano de 2017 seja melhor
    a vida é cheia de altos e baixos.
    Beijos
    http://bemcandy.blogspot.com.br

    ResponderExcluir

♥ Comentem
♥ Caso não tenha uma conta no google, deixei a opção de comentar anonimamente
♥ Contato: carol_cruz1997@hotmail.com