sexta-feira, 25 de novembro de 2016

Lendas Urbanas: Noiva na Mata

Sentiram saudades de Lendas Urbanas?
   
   Aproveitei que ainda tô na vibe de noivas e halloween e trouxe um post de uma lenda urbana que é muito contada na cidade de Palestina, próximo de São José do Rio Preto: A Noiva na Mata. A história vai ser modificada por mim, afim de ganhar cara de realidade e romance, mas no final a lenda é a mesma (só conferir nas referências) .


    Um casal de namorados, muito apaixonados, resolveram se casar escondidos da família que nunca aprovou o romance. Decidiram que a única saída era essa e começaram o preparatório para o casório: ela comprou um vestido simples branco e deixou na casa de uma amiga. Ele escolheu a igreja, marcou a data mais próxima e chamou alguns amigos para a igreja não ficar totalmente vazia.
  Chegando o grande dia, passou no seu jardim afim de colher rosas para o seu buquê, inventou uma desculpa para o seu pai, falando que ia para casa da amiga e então lá se arrumou. Colocou o seu vestido de noiva, que mesmo simples, nela caiu super bem. Prendeu seu cabelo com um coque e colocou o seu véu. Muito ansiosa, se despediu da sua amiga que lhe disse "Tem mesmo que ser agora? Escondido e com essa chuva?", olhou para o espelho e se viu de noiva, vivendo uma vida ao lado dele, o que a fez ter mais certeza que antes. O carro que ela havia fretado chega naquele exato momento, ela então responde que aquela era a única certeza que tinha na vida, o quanto queria viver aquele momento e se casar com o amor da sua vida. Deu o último abraço na sua amiga, disse "Até breve" e foi.
   Naquela hora ela saia de Palestina e ia para São José e o seu futuro noivo já a esperava na igreja. A chuva era torrencial, a estrada era de terra e o caminho se tornava perigoso. Ela olhava para a janela e mal via a hora de chegar, de ver o seu noivo, estar com ele. Porém, o carro não parecia andar, era muita lama. Tanta lama que o carro acabou atolando e a única saída seria empurrá-lo. O motorista então desceu primeiro, mas demorou tanto para voltar que ela desceu para ver o que havia acontecido. Abriu aquela porta e não se importou em se sujar ou molhar. Naquele momento só importava chegar o mais rápido possível para o casamento, afinal, já estava mais de uma hora atrasada. 
  A última coisa que viu foi um farol forte que ofuscou seus olhos, que vinha junto com um barulho de um carro acelerando. Sentiu a dor de uma forte batida, que a quebrou toda por dentro, fazendo voar para o outro lado da estrada. Viu a sua vida passar pelos seus olhos, todo o esforço feito ser jogado fora. Atropelada e ensaguentada, assim morreu. 
   O noivo passou a noite esperando por uma vida inteira com ela. O tempo foi passando e com ele veio o pensamento da desistência dela daquele casamento que tanto sonharam juntos. Ao mesmo tempo, ele sentia que devia continuar esperando. Até que horas depois veio o aviso que o casamento não poderia ocorrer, porque a sua noiva foi encontrada morta na mata. 
   Reza uma lenda que ela aparece uma vez por ano, no dia do seu casamento e na hora da sua morte. Com seu vestido todo sujo de lama e desesperada procurando carona para chegar a tempo na igreja para se casar com o seu noivo.




Observações: 

- Algumas pessoas contam que o caminho era de Palestina a São José, outros falam que o caminho é inverso.
- Alguns contam que o carro foi desviar de um animal e acabou saindo da estrada e assim a noiva morreu.

Referências:

http://meu-monstrinho-bizarro.blogspot.com.br/2013/03/a-noiva-na-mata.html
http://lendasemitosbr01.blogspot.com.br/2016/05/a-noiva-na-mata-brasil-palestina.html
http://contoseestoriassobrenaturais.blogspot.com.br/2013/08/lenda-da-noiva-cadaver-da-mata.html

___________________________________________________________________    
 Espero que tenham gostado da lenda de hoje e comentem qual é a lenda que vocês gostariam aparecesse aqui.


Beijas,

18 comentários:

  1. Ai que medo dessa lenda urbana. kkk
    Adoro esses temas que você traz aqui no blog, adoro saber as lendas e possíveis acontecimentos.
    Beijos. ♥

    Diário da Lady

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que você gostou <3. Vou continuar trazendo :3

      Excluir
  2. Nossa eu amava ler lendas urbanas quando era mais novinha, essa eu não conhecia.
    http://souadultaagora.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Meninaaa, que medo! HAHA Estou aqui a noite lendo e já me deu medo haha Adoro essas lendas, beijos
    www.achatadebatom.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eita, hahaha. Sei como é isso (geralmente eu escrevo a noite).

      Excluir
  4. Não curtimos muito lendas urbanas porque somos um pouco medrosa.

    Beijos


    onlyinspirations.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  5. Respostas
    1. Pior do que isso é eu, que costumo escrever de madrugada.

      Excluir
  6. Eu confesso que tenho medo dessas coisas, kkkk
    Eu assisti um episódio de Supernatural que lembra essa lenda, acho que é p primeiro da primeira temporada.
    Um beijo!

    www.impulsofeminino.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Na verdade era outra lenda, era da mulher caroneira. Acho que ela matou os filhos dela afogados, alguma coisa assim. Eu vi também e amei <3

      Excluir
  7. Não conhecia essa lenda. Achei bem interessante e assustadora. Eu ficaria com medo de passar por essa estrada a noite (mesmo não sendo o dia do casamento dela).
    Gostei muito do post. ^^
    Beijinhos ♥

    Contadora de Histórias

    ResponderExcluir
  8. Nossa que lenda bacana hahah eu gosto muitos dessas coisas, mas acho que se você alongasse a história mais um pouco, com mais detalhes e um toque seu, ficaria muito mais legal!!! Adorei o post de verdade.
    Quando tiver um tempinho visite o meu blog, eu adoraria receber sua visita. http://www.palavrasambulantes.com/2016/07/beijos-amassos-e-algo-mais-alem.html Beijos <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vou melhorar no próximo então :3. Fico feliz ao saber que você gostou <3.

      Excluir
  9. Oii de novo kkkk

    Amoo lendas urbanas, e nunca tinha ouvido essa! Amei! kkkkk
    Beijinhos, Tayná ♥
    http://estacaonoventae7.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

♥ Comentem
♥ Caso não tenha uma conta no google, deixei a opção de comentar anonimamente
♥ Contato: carol_cruz1997@hotmail.com